Algumas fontes de coisas EdTech

Imagem em domínio público disponível em: https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=29131104

Lamentavelmente, para muita gente, a relação entre a educação e a tecnologia se resume a alguns poucos modelos de Educação a Distância (EaD). Muitos associam o próprio acrônimo “EaD” à ideia (reducionista) de “ensino a distância”. Enfim, este post não tem como objetivo discutir educação, ensino ou o que seja a distância (e só para constar: há, sim, bons modelos de EaD), mas, sim, compartilhar algumas fontes de informações sobre tecnologias educacionais, particularmente, de informações sobre o que os empreendedores e a indústria da área estão a oferecer – ou, mais precisamente, prometer.

Por que prometer?

Porque os discursos da área, de fato, tendem a deixar em aberto questões relativas ao que realmente acontece quando artefatos específicos são inseridos em contextos educacionais, ou seja, ao que de fato “entregam”, como dizem a partir de uma tradução direta da expressão em inglês (deliver). São muitas promessas e muitas profecias – e precisamos saber sobre elas: o que seriam, o que fariam, o que teoricamente ofereceriam e modificariam.

Então, deixo aqui algumas indicações de fontes interessantes (sem nenhuma ordem ou categorização detalhada). Ressalto que há muitas listas (e listas de listas) de recursos relevantes espalhadas pela Web, mas selecionei apenas alguns links que me vêm à mente no momento. Mapear esses recursos é um trabalho sempre em andamento, então devo, aos poucos, postar outras sugestões e atualizar o blogroll.

EDUCAUSE (https://www.educause.edu/): apresenta-se como uma “comuindade de líderes e profissionais de TI que trabalham juntos para abordar desafios e alavancar oportunidades em constante evolução na educação superior”. Veja aqui alguns detalhes e outros links relativos à história dessa organização, que, atualmente, publica os Relatórios Horizon, produzidos até 2016 pelo (finado) New Media Consortium. Produzidos no escopo do Horizon Project, esses relatórios têm mapeado (e publicizado) tendências de usos de tecnologias na educação desde 2005 (agora disponíveis aqui) – veja aqui alguns comentários críticos, sobretudo, à metodologia utiizada para compô-los, escritos por Stephen Downes, e o feed de notícias da Educause no Twitter aqui.

Quanto a relatórios que fazem projeções para o futuro, o Institute of Educational Technology da Open University do Reino Unido também tem publicado, desde 2012, uma série intitulada Innovating Pedagogy, compilada em colaboração com diversas instituições (o relatório de 2019, por exemplo, disponível aqui em português, resultou de uma parceria com o SLATE: Centre for the Science of Learning and Technology da Universidade de Bergen, Noruega).

EdSurge (https://www.edsurge.com/): site de uma “empresa de notícias acadêmicas” cuja história está contada aqui e aqui. Há vários feeds de notícias no Twitter, mas os mais relevantes estão aqui para notícias gerais e aqui para Educação Superior.

EdTech Digest (https://edtechdigest.com/): além de publicar notícias, comentários sobre tendências da indústria e entrevistas, promove The EdTech Awards (nessa mesma página há uma longa lista de rótulos); o feed de notícias pertinente está aqui.

No Brasil, há o Porvir (https://porvir.org/), um site dedicado à “inovação na educação” criado a partir de uma iniciativa do Instituto Inspirare (essa informação parece ter desaparecido inteiramente do site em algum momento entre início de 2018 e início de 2019, mas está arquivada aqui no excelente Internet Archive WayBackMachine). A StartSe (https://www.startse.com/), empresa que oferece serviços de apoio a startups, mantém um site que também veicula notícias relativas à educação (eventos, cursos, empresas de serviços, etc.). As fontes abaixo também não são dedicadas à educação, mas publicam material relevante.

Techcrunch (https://techcrunch.com/): está aqui um site sobre tecnologia, em geral, mas que sempre publica notícias sobre EdTech, especificamente; o principal feed de notícias no Twitter está aqui.

Wired (https://www.wired.com/magazine/): uma das publicações on-line mais “antigas” sobre tecnologias e seu “impacto” nas diversas áreas de atividade humana, casa, em diferentes momentos, de autores centrais à construção de ideias populares entre estudiosos e defensores da dita “cibercultura” (notadamente, Chris Anderson, autor de A cauda longa e Jeff Howe, autor de Crowdsourcing). No Twitter, está aqui.

MIT Technology Review (https://www.technologyreview.com/): revista pertencente ao MIT, em publicação desde 1899; acesso via assinatura, com limite de acesso aberto a três artigos por mês. Publica matérias sobre tecnologias de ponta, suas aplicações e “impacto”, com artigos pertinentes à educação catalogados (principalmente) na categoria “Humans and Technology“.

The Register (https://www.theregister.co.uk/): publicação dedicada à disseminação de notícias sobre tecnologia, com cobertura ampla de iniciativas e novidades da EdTech; um pouco da sua história é contada aqui e aqui, e aqui está seu perfil no Twitter.

Bem, aos poucos vou organizando os links e postando outras sugestões.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s